Amigos se abraçam antes de serem arrastado por enchente

Anderson Souza

Um trio de amigos foi filmado se abraçando momentos antes de ser arrastado pela corrente do rio Natisone, perto da região italiana de Údine, na sexta-feira. Este domingo (2), os corpos de duas jovens foram encontrados pelas autoridades, que continuam à procura do terceiro elemento do grupo. 

Siga nosso Instagram @blogdoandersonsouza

PUBLICIDADE

Patrizia Cormos, de 20 anos, e Bianca Doros, de 23 anos, foram encontradas perto da Ponte Romana de Premariacco, onde o grupo foi visto pela última vez, noticiou a agência Ansa.

Naquele local, os serviços de emergência tentaram baixar cordas para resgatar os amigos, sem sucesso.

Uma das jovens foi localizada a 700 metros do leito do rio, enquanto outra estava a cerca de um quilômetro. A dupla foi identificada pelas equipes dos bombeiros e da proteção civil que realizaram buscas pelo terceiro dia consecutivo.

Cristian Casian Molnar, de 25 anos e natural da Romênia mas residente na Aústria, ainda não foi encontrado.

Bianca tinha recentemente chegado da Romênia para visitar os seus pais em Itália, de acordo com o Corriere del Veneto. 

PUBLICIDADE

Naquele dia, os três amigos se encontraram para um passeio depois de almoço. A mãe de Patrizia, que a tinha aconselhado a não irem devido ao cansaço da faculdade, cedeu a que a filha descontraísse, após ter feito uma prova de manhã.

O programa incluía uma ida à praia do rio Natisone, sob a Ponte Romana de Premariacco, para passar algum tempo com os amigos, que estavam de visita, e tirar algumas fotografias. Contudo, o caudal do rio subiu rapidamente, tendo os gritos do trio alertado um pedestre, que contactou as autoridades e os serviços de socorro.

Enquanto os bombeiros lhes baixavam cordas, os amigos abraçavam-se e tentavam contrariar a força da água. Na verdade, o grupo tentou agarrar as cordas, mas não conseguiu.

Um bolsa com um celular que pertencia a uma das jovens foi encontrada no sábado, o que alimentou a esperança de localizar as vítimas com vida, em vão.

Mais de 80 pessoas estiveram envolvidas nas buscas.

Compartilhe esta notícia
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.