Executivo da Meta acusa Musk de espalhar "teorias da conspiração"

Anderson Souza

O empresário Elon Musk e o responsável pelo desenvolvimento de Inteligência Artificial (IA) da Meta, Yann LeCun, têm trocado acusações na rede social X ao longo das últimas semanas mas, recentemente, a discussão entre os dois parece ter atingido outro patamar.

Siga nosso Instagram @blogdoandersonsouza

PUBLICIDADE

LeCun partilhou na respetiva página uma longa publicação onde faz várias acusações a Musk, categorizando até como “perigosas” as posições políticas do multimilionário.

“Penso que as posições públicas sobre várias questões políticas, jornalismo, imprensa e academia não são só erradas, mas sim perigosas para a democracia, civilização e bem-estar dos seres humanos”, escreveu LeCun, notando que apenas “inimigos autoritários da democracia” atacam a imprensa tradicional.

O responsável pela IA da Meta acusou ainda Musk de não se importar em disseminar “teorias de conspiração loucas desde que sirvam os seus interesses”.

“Seria de esperar que um visionário da tecnologia fosse um racionalista. O racionalismo não funciona sem a verdade”, escreveu LeCun.

PUBLICIDADE

My opinion of @elonmusk
I like his cars (I own a 2015 S, and 2023 S), his rockets, his solar energy systems, and his satellite communication system.
I also like his positions on open source and patents.

But I very much disagree with him on a number of issues.

I disagree with…

— Yann LeCun (@ylecun) June 2, 2024

Leia Também: Futuro da IA? “Provavelmente, nenhum de nós terá emprego”, diz Musk

Compartilhe esta notícia
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.