Romário parabeniza diretoria por tirar camisa 10 de Gabigol

Anderson Souza

A tarde de sábado foi agitada para o atacante e senador Romário (PL-RJ), que retornou aos gramados após 15 anos de sua aposentadoria. O jogador, que viu do banco a vitória do América-RJ sobre o Petrópolis por 2 a 0 na Taça Santos Dumont, foi perguntado ao final da partida sobre a punição sofrida por Gabigol no Flamengo.

Siga nosso Instagram @blogdoandersonsouza

PUBLICIDADE

Romário foi categórico e parabenizou a diretoria flamenguista pelo ato: “O Flamengo é maior do que tudo e fez o Gabigol ser o Gabigol de novo. Pelo pouco que eu conheço dele, sei que ele tem respeito pelo Flamengo. Mas parabéns pela atitude da diretoria em ter multado e até mesmo ter tirado a camisa número 10”, afirmou o craque brasileiro em entrevista após o jogo do América-RJ.

O jogador do Flamengo perdeu o direito de usar o número 10 da equipe carioca após ter imagens suas onde usava o uniforme do Corinthians vazadas nas redes sociais. Ainda em sua fala, Romário reforçou que não acredita que houve desrespeito por parte de Gabigol, dizendo conhecer o caráter do atacante e garantindo que ele entende a importância do time pelo qual atua.

“Conheço pouco o Gabigol, estivemos algumas vezes juntos, mas tenho um respeito por ele muito grande. O que eu posso afirmar a vocês é que esse gesto não foi em desrespeito ao Flamengo, foi por algum motivo que eu ainda não sei qual é”, afirmou. “O Gabigol sabe a importância e o tamanho do Flamengo, ele é um cara inteligente, é um cara que veste a camisa do Flamengo em todos os sentidos.”

O CASO

Na noite de quinta-feira, dia 16 de maio, uma foto, que mostra Gabigol em um momento de descontração utilizando o novo segundo uniforme da equipe paulista, pipocou nas redes sociais. O estafe do atleta chegou a negar a veracidade da imagem, mas voltou atrás. Após revolta dos torcedores, o Flamengo anunciou em nota que iria punir o atleta.

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que, após reunião com o vice-presidente de futebol, Marcos Braz, e demais diretores do departamento, o atleta Gabriel Barbosa foi multado e comunicado pelo dirigente de que não usará mais a camisa 10 rubro-negra nas competições possíveis de alteração da numeração”, informou o clube em nota.

Em suas redes sociais, o atacante se justificou com a torcida rubro-negra. “Hoje fui comunicado pelos diretores do Flamengo que não vestirei mais a 10. Cabe a mim aceitar e respeitar o comando do clube. Mas isso jamais vai apagar a história que construí com meus companheiros de equipe. Aceito a próxima camisa e vou dar a vida em campo pelo Mengão até o fim da nossa história”, escreveu Gabigol.

PUBLICIDADE
Compartilhe esta notícia
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.