Mulher acaba seminua ao saltar portão de casa para furtar no Chile

Anderson Souza

Uma mulher tentou furtar uma casa em Maipú, no Chile, mas acabou por ficar seminua quando as calças que tinha vestidas ficaram presas na grade do portão da habitação. A cena aconteceu no início do mês de maio e foi registrada por câmaras de videovigilância.

Siga nosso Instagram @blogdoandersonsouza

PUBLICIDADE

O momento inusitado aconteceu quando a mulher estava passando por uma casa e notou que estavam carros estacionados dentro da propriedade. Então, a mulher decidiu saltar o portão para ver se havia algo que pudesse furtar.

Segundo o Extra, a mulher nem chegou perto dos carros já que as suas calças acabaram por ficar presas nas pontas de ferro no gradeamento do portão. Assim, a mulher acabou por ficar presa de cabeça para baixo no portão. Aparentemente a mulher também não roupas íntimas, ou então perdeu-as juntamente com as calças.

Mujer quedó semidesnuda tras intento de robo a casa en Maipú, Comunidad de Santiago, Chile.

La mujer intento pasarse por encima de las rejas de una casa para cometer su delito de entrar a robar pero no conto que su pantalón se le iba a enredar lo que la termino dejando desnuda. pic.twitter.com/yvr8JIqpDM

— Abriendo Brecha (@Abriendo_Brecha) May 9, 2024

PUBLICIDADE

Depois de ficar pendurada, a mulher teve de despir as calças e descalçar os sapatos para conseguir se libertar. Depois, despiu a blusa e vestiu-a como se fosse uma calça. 

A pouca sorte da mulher não ficou por aí. Segundo a imprensa local, a mulher estava acompanhada por um cúmplice, que acabou por se colocar em fuga.

O site What’sTheJam afirmou que a mulher fugiu do local. Para trás ficaram as calças rasgadas. 

Leia Também: Motor de avião pega fogo e obriga pouso de emergência; vídeo

Compartilhe esta notícia
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.