Palmeiras busca vaga nas oitavas da Copa do Brasil em meio a turbulência nos bastidores

Anderson Souza

Uma semana turbulenta nos bastidores antecedeu o confronto com o Botafogo, em Ribeirão Preto, nesta quarta-feira, às 19h, pelo jogo de volta da terceira fase da Copa do Brasil. As notícias de um processo do Al-Sadd contra Abel Ferreira, da possível compra da SAF Vasco pelo marido da presidente Leila Pereira e da negociação de Estêvão com o Chelsea causaram animosidade.

Siga nosso Instagram @blogdoandersonsouza

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Abel Ferreira assinou um pré-contrato com o Al-Sadd, do Catar, mesmo com vínculo com o Palmeiras. Sua ideia era trocar de equipe em dezembro de 2023. O treinador, porém, decidiu permanecer no clube alviverde, descumprindo o acordo com os catarianos e, agora, é cobrado na Fifa por uma multa de R$ 28 milhões. A expectativa é que o português esclareça a polêmica após o jogo.

Já no caso envolvendo o Vasco, José Roberto Lamacchia, dono da Crefisa – patrocinadora master do Palmeiras – e marido da mandatária alviverde, negociou um acordo para adquirir o percentual da 777 Partners no Vasco. No entanto, o imbróglio judicial que opõe o clube cruzmaltino e o grupo americano, além de questões de possível conflito de interesses, esfriaram o interesse.

Por fim, as negociações entre Palmeiras e Chelsea pela transferência de Estêvão estão avançadas. O jogador de 17 anos deve render ao clube alviverde mais de R$ 360 milhões. A saída do atleta, porém, deve se concretizar apenas após a disputa do novo Mundial de Clubes, em julho de 2025.

Para o jogo desta quarta, o Palmeiras deve ter os retornos de peças importantes, como Raphael Veiga, Aníbal Moreno e Mayke. Endrick, em contagem regressiva para sua saída, deve comandar o ataque palmeirense pela penúltima vez, formando trio com Estêvão e Lázaro. O meio-campo é o setor com mais dúvidas. Abel tem quatro jogadores à disposição para o setor: Zé Rafael, Gabriel Menino, Richard Ríos e Aníbal Moreno.

Sem jogos pelo Brasileirão no fim de semana, o Palmeiras pôde descansar e aperfeiçoar questões táticas durante os últimos dias. “Tivemos mais tempo para treinar. Isso, querendo ou não, nos ajuda. Até para chegarmos mais preparados para o jogo, com mais energia. Com certeza faremos um grande jogo e esperamos sair com a vitória”, disse o atacante Lázaro.

No jogo de ida, o Palmeiras teve maior posse de bola e intensidade no ataque, mas não conseguiu ser efetivo e venceu pelo placar de 2 a 1, no Allianz Parque. O time, atuando com equipe mista, ficou próxima de um tropeço quando o empate do Botafogo saiu nos acréscimos em falha do goleiro Marcelo Lomba.

Para avançar às oitavas de final, basta um empate para o Palmeiras. Se o Botafogo conquistar uma vitória por um gol de diferença, a disputa será decidida nos pênaltis. O time de Ribeirão Preto precisa ganhar por dois ou mais gols de vantagem para se classificar nos 90 minutos.

O Botafogo não sabe o que é vencer há dois meses. Nesse intervalo, houve sete partidas, com quatro empates e três derrotas. A equipe está na zona de rebaixamento da Série B do Campeonato Brasileiro. Os gols tampouco estão saindo. A última vez em que balançou as redes foi justamente no jogo de ida com o Palmeiras, há 21 dias.

Leia Também: Com um mês de Zubeldía, São Paulo joga para confirmar ida às oitavas da Copa do Brasil

 

Compartilhe esta notícia
Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.